Auxílio Emergencial Liberado Em Março

ANÚNCIO

A nova prorrogação do auxílio emergencial exigirá que o presidente Jair Bolsonaro anuncie medidas que entrarão em vigor em março, após o carnaval. Porém, ao contrário do ano passado, a nova prorrogação será liberada em três parcelas de R$ 200, com apenas metade dos beneficiários liberados.

Até o momento, a ideia é que o custo de uma nova prorrogação da ajuda emergencial ultrapasse o atual teto de gastos, regra que impede o gasto público de superar a inflação do ano anterior. No entanto, a equipe econômica do governo segue forte para defender eventuais medidas compensadas por medidas de ajuste fiscal.

O que esperar?

Até agora, o que está planejado é uma troca de atendimentos emergenciais que conhecemos no ano passado. O propósito do governo neste momento é atender aqueles que são considerados “invisíveis”, aqueles que não receberam nenhum tipo de programa social do governo, ou que não possuem carteira de trabalho assinada…
Além disso, o benefício deixou de ser “auxílio emergencial” para se tornar um Bônus Completo Produtivo (BIP). Entre outras alterações ao BIP, os cidadãos beneficiários do programa são obrigados a frequentar cursos de qualificação profissional.

O objetivo do governo é associar essa população ao programa Carteira Verde e Amarela. Esse programa deve ser retomado pelo governo para reduzir os gastos com mão de obra e facilitar a formalização de profissionais de baixa renda.
Portanto, os cidadãos que recebem Bolsa Família ou outros tipos de benefícios pagos pelo governo, ou os cidadãos que ainda não são trabalhadores informais, devem ser excluídos da nova extensão da ajuda.
Globoplay, Assine e Assista Ao vivo | 2021



ANÚNCIO
ANÚNCIO

Yoshi

❤️@srta.lili_lj💍 📊Especialista Em Marketing Digital, Website e Google Adsense 🗣️ Influenciador 🎥YouTuber: +170k Subs 🌵Mombaça - CE, Para o Mundo🌎

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

ANÚNCIO
Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido por direitos Autorais!